Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

Painel H&C
Inteligência Euromonitor
SEGUNDA-FEIRA, 4 DE DEZEMBRO DE 2017

America Latina comandará vendas globais de beleza masculina

Em recente feira focada em matérias-primas para o setor de higiene e beleza, participei com a apresenta­ção “Beleza Masculina”: Tendências e Oportunidades na América Latina” trazendo uma visão global e regional do segmento de beleza masculina, discutindo os principais fatores que impulsionam as vendas do segmento e apresen­tando as projeções futuras assim como as principais oportu­nidades a serem exploradas.

De acordo os dados da Euromonitor International, as vendas de Men’s Grooming, produtos de beleza voltados ao público masculino, movimentaram USD 47 milhões em 2016, representando 11% do total das vendas da indústria de bele­za e cuidados pessoais. Embora a Europa Ocidental ainda seja o maior mercado, com 26% das vendas, a América Latina é a região cujas vendas de produtos de beleza masculinos cres­cerão mais rapidamente nos próximos cinco anos. As vendas desse tipo de produto na América Latina movimentaram USD 10 bilhões em 2016 e demonstraram um crescimento susten­tável, de 12% ao ano, entre 2011 e 2016.

Desempenho regional apresenta diferenças importantes

As vendas de produtos de beleza para homens ainda são dominadas pelos maiores mercados, Brasil, México e Ar­gentina – que juntos representam 76% das vendas. É im­portante ressaltar, porém, que esses países apresentam forte diferenças culturais que diretamente impactam as categorias de men’s grooming.

No Brasil, por exemplo, o segmento de perfumes mas­culinos representa a maior parte das vendas (60%) devido à tradição dos brasileiros de presentear amigos e familiares com fragrâncias em ocasiões especiais, como Dia dos Pais e Natal. Além disso, a forte cultura machista do país é um grande de­safio para a venda de produtos de beleza masculina menos tradicionais, como aqueles voltados ao cuidado com a pele.

Por outro lado, o México é o país latino americano que apresenta a maior proporção de compra de produtos para pele, que representam 5% do total de men’s grooming no país. Além disso, essa categoria foi a que cresceu mais rapi­damente dentro do segmento de beleza masculina em 2016, indicando a preocupação dos mexicanos em relação aos pri­meiros sinais de envelhecimento. Similarmente, a Argentina também vem apresentando um crescimento dos produtos de cosméticos masculino, não somente porque os argentinos querem ter uma melhor aparência, mas principalmente por­que há uma demanda do mercado de trabalho por profissio­nais que aparentam maior juventude.

O papel das celebridades nas vendas

A maioria das empresas utilizam celebridades para pro­mover seus produtos de beleza masculina. À medida que no­vos estilos chegam ao homem latino americano, ele começa a necessitar produtos específicos. Neymar Jr., por exemplo, é uma das celebridades mais requisitadas em campanhas pu­blicitarias que visam o público masculino da América Latina. Ele é conhecido por seu estilo inovador, com cortes diferen­ciados de cabelo, tintura e alisamento.

No Brasil, os homens são muito engajados com ativida­des esportivas, principalmente o futebol, e muitos também reconhecem atores de novelas, tornando esses dois tipos de celebridades os principais influenciadores. No Equador, uma das mais interessantes (e com maior sucesso) campanhas pu­blicitarias é da Nivea que utilizou jogadores do Real Madrid em sua comunicação.

Beleza masculina além da barba e fragrâncias

Embora as vendas de men’s grooming ainda sejam do­minadas por categorias tradicionais, como perfumes, deso­dorantes e produtos para barba, os latino-americanos estão começando a aumentar o consumo de produtos estéticos.

O desafio regional, entretanto, encontra-se em quebrar os estereótipos. A categoria de cuidados com a pele, por exemplo, ainda é muito associada à feminilidade. Por isso, os lançamentos dessa categoria estão explorando agora as fun­cionalidades dos produtos, como proteção solar e pós-barba. O homem busca praticidade na sua rotina de cuidados e os produtos multifuncionais indo de encontro à essa tendência. O objetivo é fazer com que o homem gradualmente experimente produtos de categorias até então não exploradas, sendo esse um primeiro passo para que eles explorem sua vaidade.

Elton Morimitsu, Analista Sênior de Pesquisa da Euromonitor International

Fonte: Euromonitor

Veja também:

Calendário de Eventos 2017
ver completo
Parceiros H&C
  • Abipla
  • ABC
  • Abre
  • ABT
  • Anvisa
  • FCE Cosmetique
  • AACD
Rua Rio da Prata, 164 - Brooklin - São Paulo - SP - Brasil - CEP: 04571-210

Ftech Soluções em Internet