Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

Painel H&C
Revista H&C - Edição 100

Inspiração que vem da cozinha

SEXTA-FEIRA, 3 DE FEVEREIRO DE 2017

Inspiração que vem da cozinha

Ingredientes geralmente encontrados na mesa estimulam a indústria cosmética, que também aproveita as suas propriedades

Ingredientes alimentícios inspiram o segmento cosmético, do fornecedor de insumos ao fabricante de produtos finais. Uma das empresas que tradicionalmente se destacam nesse sentido é a Ajinomoto – pioneira e líder mundial na produção de aminoácidos. Seu primeiro produto, o Aji-no-moto, é um derivado do aminoácido ácido glutâmico e é largamente usado pela indústria alimentícia para realçar o sabor natural dos alimentos. Ele é feito a partir da cana-de-açúcar, uma matéria-prima natural, e pode ser usado no preparo ou na finalização de receitas, deixando-as muito mais saborosas. Esse foi o início de uma história.

Elaine Afonso, gerente da área Amino Science Especialidades Químicas da Ajinomoto, conta que em 1971, a partir do mesmo aminoácido ácido glutâmico, a empresa desenvolveu o umectante Ajidew e, no ano seguinte, o primeiro tensoativo suave da linha Amisoft. “Atualmente, temos cerca de 50 matérias-primas que englobam ativos hidratantes e reestruturantes, emolientes, gelificantes, modificadores de sensorial, tensoativos emulsionantes, condicionadores e detergentes, todos derivados de aminoácidos, que podem ser aplicados em qualquer tipo de cosmético.”

Quanto ao que pode ser considerado inovador, a executiva destaca a linha de tensoativos detergentes conhecidos como acilglutamatos, que, segundo ela, são 10 vezes mais suaves que o láuril éter sulfato de sódio, “capazes de limpar efetivamente a nossa pele e os cabelos com excelente formação de espuma”. “São tão suaves como a água, podendo ser usados também em pessoas com dermatite atópica ou produtos sem enxágue”, diz Elaine. “Como o ingrediente é derivado de aminoácidos, uma substância fundamental para a estruturação dos nossos órgãos e tecidos, ele é 100% compatível com o nosso organismo”, completa.

Em outubro de 2016, a empresa apresentou cosméticos com texturas de alimentos na In-Cosmetics Latin America, realizada em São Paulo, para demonstrar a sua expertise. Os visitantes da feira conheceram sugestões de produtos finais feitos com ingredientes da Ajinomoto, como um Sazón de banho, uma caipirinha de limão (gel hidratante), um sorvete de jabuticaba (creme esfoliante para pés) e uma cerveja de trigo (espuma para o cabelo).

Conquista consumidor – A Basf também oferece matérias-primas que trazem ingredientes alimentícios a formulações cosméticas. Flavia Zanella, responsável pelo marketing de skin care e sun care da empresa na América do Sul, destaca dois ativos da linha Beauty Creations que podem ser aplicados em produtos de cuidados com pele e cabelo.

O Irwinol é uma manteiga de manga com altíssimo poder de hidratação (em testes comparativos, maior que o da manteiga de Karité). Segundo a executiva, pode ser usada para conferir hidratação intensa a cremes corporais e produtos labiais, bem como para tratar e reparar pele muito ressecada, até mesmo rachada. O item também pode ser usado em produtos capilares, especialmente condicionadores e máscaras para hidratação e reparação intensas, facilitando o pentear e conferindo brilho aos cabelos.

O segundo ativo é Litchiderm, um extrato de lichia, que, segundo Flavia, é um poderoso antioxidante neutralizador de radicais livres gerados por exposição da pele à poluição e à radiação UV. “É usado para proteger a pele e prevenir seu envelhecimento, além de conferir hidratação. Nos cabelos, protege as fibras do envelhecimento e do desbotamento da cor, fatores causados por exposição à radiação UV”, explica.

Os esforços empregados na busca por ingredientes alimentícios são explicados também pela demanda. “Os consumidores estão mais conscientes a respeito do impacto que seus hábitos e estilo de vida têm em seus corpos. Eles se tornaram mais perspicazes sobre seus hábitos alimentares, percebendo que a comida que consomem tem efeito direto em sua saúde e aparência. Além disso, as pessoas passaram a associar mais os ingredientes alimentícios a benefícios de saúde, de forma que os alimentos passaram a servir de fonte de inspiração para o desenvolvimento de ingredientes inovadores para a indústria cosmética”, afirma.

Os ingredientes cosméticos derivados de alimentos também facilitam a comunicação do produto. “São reconhecidos imediatamente pelos consumidores, já que alimentos são produtos de convívio diário. Ao reconhecer o ingrediente, o consumidor se sente mais confortável e tem maior interesse em compreender os benefícios do cosmético. Essa é uma reação positiva importante, que impacta diretamente o processo de decisão de compra”, acrescenta a especialista da Basf.


Café – Outra empresa que também ressalta ingredientes inspirados na mesa é a Aqia. A protagonista da companhia nesse quesito, segundo Mariana Zaroni, do marketing, é uma coleção de derivados do café: a linha AQIA Coffee. “O grão de café possui grande variedade de minerais, aminoácidos, lipídios, açúcares, vitaminas e cafeína, destacando-se os ácidos clorogênicos, que são seus principais compostos bioativos”, diz.

A executiva acrescenta que os compostos fenólicos “são potencialmente quimioprotetores em diferentes sistemas químicos e biológicos, devido à sua atividade antioxidante e capacidade de modular a atividade de uma variedade de enzimas e receptores celulares”. Além disso, afirma a especialista, os polifenóis do café “são recursos naturais ativos e apresentam alta capacidade antioxidante, ação anti-inflamatória, capacidade de proteção da pele contra os raios UV, capacidade estimulante da regeneração celular dermopidérmica e prevenção ao foto-envelhecimento”.

De acordo com Mariana, os itens são multifuncionais e oferecem resultados diversos para a pele e o cabelo: ação antioxidante potente, ação hidratante sensorial perceptível, fito-fotoproteção, atividade sequestrante de radicais livres, ação dermo-regeneradora, proteção da função de barreira e ativador da lipólise.

Mariana ressalta ainda que o mercado cosmético atualmente pede fórmulas com ingredientes polivalentes, que realizem múltiplas funções. “A procedência das matérias-primas também é vital, ingredientes de origem petroquímica ou obtidos em processos danosos ao ser humano e ao planeta estão sendo banidos rapidamente das possibilidades de uso. Outro ponto importante é que o custo do ingrediente precisa ser plausível e possibilitar a comercialização dos produtos finais em patamares compatíveis com o momento econômico. A existência de estoque local e entrega imediata facilitam o planejamento da cadeia de suprimentos e, finalmente, o sensorial precisa ser magnífico”, conclui.

Na gôndola– Difícil é encontrar produtos de higiene e beleza que não tragam pelo menos um ingrediente de origem alimentícia ou que não remetam ao tema. Quase todas as empresas e marcas apresentam itens nesse sentido em algum momento. Das mais tradicionais às novatas. O Boticário evidencia formulações com essa característica em sua linha Nativa SPA. Uma de suas loções hidratantes destaca a ameixa, o produto contém extrato da fruta nativa da Europa e da Ásia e, segundo a fabricante, conta com uma fórmula rica em propriedades hidratantes e nutritivas que vão deixar a pele macia, perfumada e nutrida por 24 horas. A coleção possui também as variantes: Lichia, Melissa e Alecrim, que prometem benefícios similares ao consumidor.

 

A novata empresa goiana Piatan aposta em ‘itens naturais e sustentáveis’ e afirma que seus produtos são os primeiros a usar o GlucoTain Care no Brasil, um tensoativo natural e biodegradável derivado do açúcar. Produzido na Europa pela Clariant, uma das empresas líderes mundiais em especialidades químicas, o GlucoTain Care é um tensoativo inovador, segundo a fabricante, com uma espuma macia e cremosa que proporciona suavidade, condicionamento e hidratação aos fios de cabelo.

A Piatan informa que seus xampus promovem limpeza suave dos fios por meio de outros ativos naturais e inovadores, como a saponina de quinoa, um componente natural obtido da quinoa, grão originário da região andina e que faz parte da alimentação dos povos andinos e hoje também de brasileiros. “Em combinação com os demais ativos naturais que estão presentes nos produtos, a saponina de quinoa promove uma limpeza delicada e eficaz”, afirma a farmacêutica Paola Patriarca, que também é especialista em fitoterapia e cosmetologia.

Coco em alta – Um dos ingredientes que parecem estar em alta no setor cosmético é o coco. O premiado hairstylist Lee Stafford lançou recentemente uma linha de tratamento para os cabelos à base de óleo de coco: CoCo LoCo, que inclui quatro produtos para nutrir e reconstruir os fios profundamente. O óleo de coco é um nutriente conhecido por conter proteínas essenciais necessárias também para nutrir e reparar a pele e as unhas. É rico em ácido láurico, portanto evita a caspa e deixa o couro cabeludo saudável graças à sua ação anti-inflamatória e cicatrizante, além de oferecer um alto nível de hidratação.

“Eu amo coco! Como, bebo, cozinho e me hidrato com ele, por isso eu estava ansioso para criar minha própria linha de tratamento para os cabelos, usando este óleo”, diz Stafford. A marca informa ainda que o óleo de coco tem alta capacidade de manter a hidratação, além de penetrar profundamente na haste capilar para realmente entrar em seu interior e fazer a sua ‘mágica louca’. Os produtos Lee Stafford são distribuídos no Brasil pela Frajo Internacional de Cosméticos.

Quem também aposta no ingrediente é a Dermacoconut. No segundo semestre de 2016, a empresa apresentou ao mercado o Dermacoconut by Ivete Sangalo Hidratante para Pele com Água de Coco Natural. Enriquecida com nutrientes de alto poder hidratante, como ferro e potássio, vitaminas B e C e ativos antioxidantes que colaboram para melhorar a aparência da pele e dos fios de cabelo, a água de coco presente no produto é extraída de uma seleção cuidadosa das plantações de coqueiros na região do nordeste brasileiro. O spray que compõe o atual cardápio da marca, segundo a fabricante, pode ser aplicado em rosto, corpo e cabelo e até mesmo ser usado antes de aplicar a maquiagem ou como pós barba ou pós sol. O produto promete rápida absorção sem deixar a pele com aspecto pegajoso ou melado, além de uma fragrância suave de coco.

A Dermacoconut é uma marca brasileira que começou na Europa em 2011, mas há pouco mais de um ano veio para o Brasil. Seu produto está sendo fabricado no País e vendido em drogarias, perfumarias e lojas virtuais. “A aceitação tem sido fantástica”, diz Haroldo Azevedo, diretor-presidente do grupo homônimo do qual a Dermacoconut faz parte. O empresário revela que a linha vai crescer.

“Estamos iniciando todo um portfólio de cosméticos à base de água de coco, que contará com mousse efervescente, sabonetes, cremes hidratantes, desodorantes e produtos afins”, disse à H&C o empresário no final de 2016. Azevedo não revelou quanto foi investido e datas de lançamentos. Ele explica que a ideia de criar uma linha à base de água de coco surgiu “após celebridades internacionais confessarem serem viciadas na água de coco brasileira como bebida isotônica, projetando-a para o mercado internacional”.

 

Linha gourmand – O coco tem inspirado também a empresa mineira Mutari, que lançou recentemente a Água de Coco Everyday, um produto que promete refrescar a pele e o cabelo. Esse item, de acordo com a fabricante, ainda previne o ressecamento e é ideal para usar no verão. O spray promete fácil absorção e possui ação antioxidante e fortificante. A novidade faz parte da linha gourmand 100% com óleo de coco da empresa. Um ponto-chave que a marca explora com esse portfólio é a característica sensorial, que ajuda a despertar os sentidos gustativos e olfativos do consumidor.

A linha conta também com: espuma para o cabelo; Polpa de Coco Everyday, com óleo de coco, óleo de algodão, PCA Sódico e queratina + quitosana; Leite de Coco, finalizador anti-frizz e anti-pontas duplas; e Óleo de Coco Everyday Pure Organic, produto 100% puro que pode ser usado em máscara para potencializar o tratamento de fios extremamente ressecados e com quebra decorrente de processos químicos, além de funcionar como hidratante para a pele, deixando-a macia e cheirosa. Esse produto pode, inclusive, agir como demaquilante, em tratamento facial, pré-depilação e até para massagear o corpo.

 

Açaí – A paranaense Buona Vita trouxe como novidade um sabonete com açaí, guaraná e acerola, como ingredientes que prometem sucesso no verão. Segundo a fabricante, o item conta com ativos que propiciam ação energizante à pele, além da limpeza profunda. O extrato de açaí age como hidratante, emoliente, suavizante, condicionador e remineralizante. O de guaraná tem ação estimulante e ergogênica, antifadiga, diurética, antidepressiva e antioxidante. Já o extrato de acerola, explica a marca, é fonte natural de vitamina C, antioxidante, adstringente e dermoprotetor, entre outras funções.

O produto é indicado pela empresa para todos os tipos de pele. Quanto à aplicação, a fabricante dá duas dicas: aplicar o sabonete no local desejado, massagear e enxaguar, repetindo o processo se necessário, e para esfoliação, misturar o sabonete líquido com os sais aromáticos e aplicar na região a ser tratada com movimentos circulares, e, então, enxaguar com ducha ou retirar com toalha umedecida. A empresa afirma que trabalha com formulações que geram resultados rápidos e eficazes e destaca que é precursora do uso da nanotecnologia na indústria cosmética. A fabricante atua no segmento de cosméticos profissionais e possui linha home care.

 

Uva e tapioca – As uvas estão quase sempre presentes na cesta cosmética. A empresa paulista Acquaflora trabalha o ingrediente na máscara antioxidante violeta matizadora, feito com uvas chardonnay, lançada em setembro de 2016. O item promete eliminar o indesejado tom amarelado dos fios grisalhos, loiros e brancos, deixando-os hidratados e com brilho perolado, graças ao extrato da fruta presente em sua fórmula.

Esse ingrediente é extraído das sementes durante o processo de fabricação do vinho, imediatamente após a colheita, momento em que, segundo a fabricante, há uma elevada concentração de polifenóis, que possuem alto poder antioxidante. Já o pigmento violeta, também presente na fórmula, age no combate aos radicais livres, promovendo uma melhora significativa na neutralização do tom amarelado dos cabelos, de acordo com a marca.

A empresa também apostou na tapioca, que está super na moda na mesa do brasileiro e presente nos food trucks. No primeiro semestre, a marca trouxe às gôndolas o Pó Modelador Acquaflora, formulado com ativos da tapioca que deixam os cabelos resistentes à umidade, além de permitirem a composição de diferentes penteados, com a vantagem de remodelar os fios a qualquer momento. Indicado para texturizar e dar corpo instantaneamente a todos os tipos e comprimentos de cabelo, o produto oferece fixação leve a moderada com acabamento mate.

 

 

 

Macadâmia – Nativa da Austrália, a macadâmia é considerada uma das nozes mais finas do mundo e está presente na mesa do brasileiro não faz muito tempo. Uma de suas propriedades mais relevantes, no ramo dos alimentos e também nos cosméticos, é sua característica antioxidante. Quem apostou nessa castanha recentemente foi a Haskell, de Minas Gerais. A fabricante lançou a Pomada Anti-Frizz Macadâmia, que finaliza o penteado com fixação, disciplinando os fios e definindo o corte. De acordo com a marca, a pomada oferece um cuidado especial para cabelos que precisam de mais condicionamento, devolve brilho e vitalidade aos fios e deve ser aplicada nos cabelos secos, após a escova ou a chapinha.

A Colgate-Palmolive também investiu no ingrediente. A sua linha de sabonetes antibacterianos Protex apresentou o mercado brasileiro, em 2016, a variante Protex Pro-Hidrata. De acordo com a multinacional, além de eliminar 99,9% das bactérias, o novo item deixa uma sensação de hidratação na pele. O sabonete é formulado com óleo de macadâmia e ingredientes hidratantes.

Mais sobre esta Edição
Artigos Técnicos
Modificadores reológicos são ingredientes poderosos para o desenvolvimento de produtos de cuidado pessoal.
Parceiros H&C
  • ABC
  • Abipla
  • Abre
  • ABT
  • Anvisa
  • FCE Cosmetique
  • FtechSM
  • iCosmetologia
  • AACD
Rua Rio da Prata, 164 - Brooklin - São Paulo - SP - Brasil - CEP: 04571-210

Ftech Soluções em Internet