Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

Painel H&C
Revista H&C - Edição 106

Cosméticos para boca: O que rolou e o que está por vir

SEGUNDA-FEIRA, 29 DE JANEIRO DE 2018

Tecnologia, criatividade, embalagens e novas matérias-primas devem esquentar as categorias de itens labiais

O mercado de produtos cosméticos para a boca está em alta. Levantamentos da Nielsen mostram que até 2021 a previsão é de crescimento para todas as categorias (veja quadro). Para estimular insights neste começo de ano, a Revista H&C investigou o que foi destaque no período anterior, na opinião de fabricantes e fornecedores.

Gisele Magatti, treinadora e maquiadora de Guerlain no Brasil, afirma categoricamente que as texturas foram os grandes destaques do ano. “Teve mate metálico, efeito gloss que dura o dia todo, glitter e mate que cuida dos lábios com muita hidratação”, diz. O que também ganhou espaço, segundo a especialista, foram os temas relacionados a novas técnicas de aplicação, “como o borradinho para fora da boca”.

 

“Vimos demais em algumas temporadas de ‘fashion weeks’ e ainda vemos”, diz Gisele. “Esfumado de dentro da boca mais escuro para fora, três tons de batom para conseguir um efeito de volume para os lábios, enfim, ele vem sendo protagonista da maquiagem, desbancando os olhos em alguns desfiles e tomando conta do look, o que possibilita brincar bastante com cores e texturas”, completa.

Ciência – Outro ponto de atenção, de acordo com a especialista da Guerlain, foi a inovação tecnológica. “Foi surpreendente ver que as marcas conseguiram entregar bastante tecnologia nos produtos para essa área, que é tão sensível. Os batons mate com conforto estão incríveis. Cada vez mais hidratantes e com agentes de skin care que cuidam de fato da região”, afirma.

Gisele aponta o que foi desta­que da Guerlain no ano passado. “A marca trouxe Kiss Kiss matte, que além de cores lindas e super antenadas, tem em sua formulação manteiga de manga, um hidratan­te muito potente, ácido hialurôni­co, que mantém o contorno em dia, e pimenta, que promove volu­me aos lábios. Tudo isso em um ba­tom mate com um conforto incrível ao passar. É impressionante”, diz.

Outro tipo de produto que fez sucesso, segundo a maquiadora, foi “dedo de ouro para a área do sorriso”. “O Honey Smile Lift, da linha Abeille Royale, é um sérum específico para toda a área do sorriso. Além de hidratar, repara e previne os temidos códigos de barra dos lábios, e também repa­ra o bigode chinês, essa linha de expressão que se atenua com o tempo”, acrescenta. O item é for­mulado com mel de Ouessant, “o mel mais cicatrizante do mundo” e com geleia real, “que é super revitalizante”, e também contém ácido hialurônico. “Seu efeito é imediato e a longo prazo, ideal para uso diário, antes do batom favorito”, conclui.

Efeito sheer – Na linha Aquarela, da Natura, principal marca de ma­quiagem da marca, segundo Fer­nanda Rol, diretora de cosmética da empresa, o foco está na boca, e três lançamentos foram protago­nistas em 2017: o Batom Metali­zado, forte tendência e produto ícone do São Paulo Fashion Week; o Batom Efeito Ultramatte, um re­lançamento da família de batom mate; e o batom Sheer, nova pla­taforma da marca que proporciona cor leve, brilho, efeito molhado e promete hidratar imediatamente, além de propiciar uma aparência mais volumosa aos lábios.

Aquarela trouxe o efeito sheer para o portfólio, uma tendência internacional forte que chegou ao mercado brasileiro recentemente, segundo Fernanda. “Por ser leve­mente transparente, fica uma cor diferente em cada pessoa, seguin­do a tonalidade da pele”, explica.

Metalizado forte – Em 2017, o metalizado também veio muito forte, com isso os batons mate ganharam uma versão metálica, que entrega ‘cintilância’ com aca­bamento mate, ao mesmo tem­po. Isso é o que explica Giovanna Morrell, expertise em maquiagem da Contém 1g. Ela ressalta que a somatória do acabamento mate e brilho não tinha sido abordada antes. “Essa inovação possibili­tou às amantes de batom mate a ousarem um pouco com o brilho sem sair da zona de conforto que o mate simboliza”, afirma.

Giovanna afirma que no ano em que praticamente todas as marcas lançaram batom líquido mate, o desafio foi desenvolver “a textura correta”. “Nosso ba­tom líquido mate promove efeito mate, longa duração e uma textu­ra incrivelmente confortável, dife­rente da maioria do mercado, sem contar que confere hidratação por conta do ativo Orgasol Hidra+, que através do seu mecanismo delivery system, libera ácido hia­lurônico, hidrata os lábios e per­mite boa espalhabilidade, além de cor homogênea.”

Além de batons, a marca pro­moveu os lápis para contorno. “Vieram com tudo, dessa vez com uma função diferente do conven­cional, a de contornar os lábios”, diz a especialista. Ela explica que o lápis vem com a função de criar efeitos, como os ‘Lips Ombre’, onde o canto externo dos lábios ganha um tom mais escuro, dei­xando o centro mais claro. “O efeito garante volume imediato às mais antenadas e ousadas na make”, diz Giovanna. O contrá­rio, a especialista ressalta, tam­bém gera efeito, clareando o cen­tro dos lábios com um tom bem mais claro que o batom usado. “O efeito é o mesmo de volume, po­rém mais sutil”, diz.

Diferencial na fórmula – A SD MakeUp, apostou nos lipsticks líquidos mates, com 16 cores ver­sáteis e de longa duração. A em­presa buscou diferenciar-se na formulação. “Sabemos que os ba­tons tipo mate vieram com tudo, e pensando nisso, desenvolvemos uma nova fórmula com secagem ainda mais rápida, maior duração nos lábios, acabamento mate ave­ludado e cores inspiradas nas gran­des tendências de 2017 e início de 2018”, conta Fernanda Barriviera, diretora-técnica do Grupo Sobran­celhas Design. “Temos uma gran­de variedade de batons nos tons terrosos, que são a nossa grande aposta”, revela.

A apresentação dos itens também fez a diferença para con­quistar a consumidora, segundo Fernanda. A executiva diz que o destaque na aplicação dos batons são os pincéis. “Diferentemente do batom em bala, permite uma aplicação mais precisa, mantendo o desenho da boca bem delineada e bem-acabada”, explica.

A marca também destaca o Ultimate Magic Metal, “um lápis que, com muito brilho e alta fixa­ção, concede um efeito metalizado a qualquer batom mate em uma única passada”. O diferencial, ex­plica Fernanda, fica por conta da aplicação e “efeito surpreendente e diferente do que o mercado ofe­rece atualmente”, já que o produ­to é incolor e pode ser usado em qualquer produção.

Veganos – A Biozenthi Labora­tórios Cosméticos reestilizou as formulações de seus batons para melhoramentos do efeito mate e lançou três cores, completando uma coleção de oito tonalidades. O diferencial principal dos produ­tos, segundo Márcio Accordi, bió­logo especialista em cosmetologia e diretor da empresa, é o fato de os itens serem veganos, livre de glú­ten, hipoalergênicos e ingrediente animal, e sem testes em animais.

“Todas as nossas maquiagens não contêm metais pesados, isso é algo muito importante, pois uma mulher ao longo de uma vida con­some algo em torno de 1,5 kg de batons, e como a maioria dos ba­tons existentes possui metais pe­sados, eles ficam acumulados no corpo”, diz Accordi.

Protetor labial – Um mercado promissor para cuidados com a boca é o de protetores labiais. De acordo com Mônica Kolanian, gerente de marketing da Mentho­latum no Brasil, esse tipo de pro­duto é o grande filão, pois além de protegerem os lábios contra o ressecamento e rachaduras, tam­bém previnem contra o câncer de pele. “Podemos destacar produtos com cores e embalagens diferen­ciadas”, afirma.

A empresa possui um item que chama a atenção nesse ni­cho, aponta a executiva. “Lip Ice tem o propósito de conscientizar o público em geral quanto à im­portância do uso de protetor la­bial com FPS em todas as estações do ano para manter a saúde dos lábios através de produtos com fórmulas inovadoras, ricos em vi­taminas, e que garantirão lábios bonitos e saudáveis, retardando o envelhecimento precoce e au­xiliando na prevenção de doenças dos lábios”, diz. A aposta para 2018, adianta Mônica, é inovar com produtos de alta tecnologia, com diversos benefícios e embala­gens inovadoras.

Desempenho e sensorial – Um fator que deve incrementar a cate­goria para a boca é o desempenho. Gislene Attilio Meyer, gerente de marketing da Dow – fornecedora de matérias-primas –, explica que os consumidores buscam novas experiências sensoriais continua­mente e estão dispostos a experi­mentar, mas sempre procurando por mais desempenho e benefícios no mesmo produto.

“Ingredientes capazes de au­mentar significativamente a du­rabilidade dos batons, reduzindo a preocupação com retoques ao longo do dia, aliados a sensoriais superiores e benefícios extras, como correção de imperfeições, disfarces óticos, preenchimento, antienvelhecimento e proteção, são a chave para a inovação”, afirma. A executiva destaca que a Dow, por meio de seus centros de pesquisa, está em processo contí­nuo de desenvolvimento de novos ingredientes com o objetivo de entregar esse mix de benefícios aos formuladores.

Consumidoras desejam expe­riências sensoriais novas. Quem sair na frente neste aspecto pode obter bons resultados no segmen­to. A Cosmotec ilustra esse poten­cial. A empresa oferece uma sílica pirogênica hidrofóbica com poder de encapsulamento de partículas aquosas, que forma uma estrutura de ‘água em pó’.

Mariana Olivato, gerente de tecnologia e inovação da empresa, explica que essa característica per­mite o desenvolvimento de batons com aspecto pó, que, ao serem aplicados nos lábios, conferem sensorial cremoso e acabamento de batom líquido.

Energia e nutrição – Itens para a boca também podem ganhar ingredientes que tragam energia e nutrição à pele. Essa é a apos­ta da Beraca para a categoria. “A Manteiga de Bacuri é um ingre­diente multifuncional capaz de recarregar a energia das células, nutrindo e promovendo o bem­-estar da pele dos lábios. É uma matéria-prima rica em sais mine­rais, como magnésio, zinco e cál­cio, e possui vitaminas D, E e K, além do aminoácido triptofano, que, na presença de luz, é respon­sável por produzir a serotonina, neurotransmissor associado à sen­sação de bem-estar”, explica Pao­la Patriarca, gerente de pesquisa e desenvolvimento da empresa.

Além do mais, a executiva acrescenta que a empresa entrega ingredientes que podem ser usa­dos em fórmulas para outros cos­méticos para a boca. “Temos uma grande variedade de emolientes naturais e orgânicos que podem ser utilizados na estrutura básica de um batom, lip balm, gloss, es­foliante e primer labial, tais como: manteiga de Bacuri, emoliente de alta espalhabilidade e baixa gra­xosidade; manteiga de Cupuaçu, sensorial leve, baixa absorção e promoção de brilho aos lábios; manteiga de Ucuúba, alto ponto de fusão, rápida absorção, toque seco, e que auxilia na resistência estrutural do batom; e óleo de Ma­racujá, emoliente de toque seco e aveludado, excelente para auxiliar na dispersão dos pigmentos.

Paola dá dicas, quem sabe para estimular as novidades em 2018. De acordo com ela, as tendências apontam para produtos híbridos e com diferentes indicações de uso. Os bastões dão lugar a cremes co­loridos, pastas ou mesmo produtos mais líquidos. Já o gloss e o mate têm lugar garantido. Formulações mais ricas são mais solicitadas para um lábio mais sofrido, enquanto lábios perfeitos pedem somente um brilho ou uma camada de pro­teção. “As manteigas e os óleos podem se encaixar nessas neces­sidades e formatos, pois oferecem vitaminas, brilho, emoliência e po­dem contribuir com uma maior vis­cosidade do produto”, finaliza.

 

 

Mais sobre esta Edição
Parceiros H&C
  • ABC
  • Abipla
  • Abre
  • ABT
  • Anvisa
  • FCE Cosmetique
  • FtechSM
  • iCosmetologia
  • AACD
Rua Rio da Prata, 164 - Brooklin - São Paulo - SP - Brasil - CEP: 04571-210

Ftech Soluções em Internet